Jean de Araújo Rocha, 19 anos, suspeito de matar Máximo Augusto chorou e se mostrou arrependido ao confessar o crime na Delegacia de Homicídios (Dehom).

O suspeito já revelou que não conhecia o estudante e disse que a morte aconteceu dentro do motel para onde eles seguiram.

Comentários do Facebook

Os comentários estão fechados.