No momento que tratamento precoce contra Covid-19 entra na berlinda em razão do aumento de ocupação dos leitos de UTI e clínicos, os principais jornais do Brasil trazem o anúncio de meia página com defesa de tratamento, incluindo Ivermectina no protocolo.

O anúncio é assinado pela Associação de Médicos pela Vida e tem sede em Recife, mas com adeptos em todo país. Tanto que jornais como Folha de São Paulo e o Globo também publicaram o material.

Enquanto a guerra  de jalecos continua, os ânimos se exaltam e a única receita que não vem sendo desmentida pelos números é que isolamento social,  uso de máscaras e higienização das mãos previne e não tem contra-indicação.

Comentários do Site

  1. Pedro Neto
    Responder

    Esses que fazem defesa de tratamento precoce são os que disfarçam a ineficiência em tratar a doença e jogam a responsabilidade nos ombros da população, forçando-a a tomar uma suposta medicação com a falácia de prevenção ou cura. Ou os governantes também com o mesmo lero-lero de tratamento precoce, para ocultar uma suposta incapacidade de fornecer à população o direito à saúde, por omissão ou inexistência de meios e recursos.

Deixe um comentário