12 de abril de 2024
Notícias

Equipe do Censo Previdenciário 2024 realizaatendimentos em domicílio

Uma equipe do Censo Previdenciário 2024, da Prefeitura de Natal, está
realizando atendimentos a servidores municipais incapazes de se deslocarem
até os postos de atendimento do recenseamento, na zona Leste da capital.

Censo previdenciário com atendimento domiciliar – foto Alex Régis


O atendimento domiciliar visa favorecer os servidores e segurados
impossibilitados por motivo de doença de se deslocarem de seus lares para
realizar o censo de forma presencial, até sexta-feira (23), nos polos de
atendimento do censo na Secretaria Municipal de Administração (Semad), na
Cidade Alta; sede do NatalPrev, no bairro Petrópolis; Centro Municipal de
Referência em Educação (Cemure), no bairro de Nazaré, zona Oeste;
Ginásio Nélio Dias, na zona Norte, e na  Secretaria Municipal de Saúde
(SMS), no bairro Petrópolis.
O primeiro recenseamento em domicílio desta terça-feira (20) foi feito no
condomínio Chácara 402. Lá mora o servidor Luiz Alberto Bezerra Ferreira de
Souza, de 72 anos, lotado na Secretaria Municipal de Meio Ambiente e
Urbanismo. Seu Luiz Alberto ingressou na Prefeitura em 1º de maio de 1985,
por meio do antigo Iplanat. De licença-prêmio, conta que deu entrada na
aposentadoria em 09 de novembro de 2023.
O engenheiro civil e ex-chefe da Fiscalização Urbanística da Semurb
agendou o recenseamento em domicílio por estar impossibilitado de se
locomover. Ele é doente renal crônico e está com um problema na perna que
dificulta a sua mobilidade. “Faço hemodiálise três vezes por semana durante
quatro horas. Do contrário, morreria. A hemodiálise mudou a minha vida”,
observa o servidor.  
Outro recenseamento ocorreu na rua Jaguarari, no bairro Barro Vermelho,
onde mora a aposentada Maria da Conceição de Morais Rodrigues, de 65
anos, ex-servidora da Secretaria Municipal de Tributação. Com dificuldade de
se locomover por conta de um problema na perna, a irmã de dona Maria da
Conceição foi quem agendou o seu recenseamento: “Comecei a fazer pilates,
mas deixei. Aqui na rua tem duas academias”.
Ela conta que trabalhou durante 35 anos na Semut, antiga Secretaria
Municipal de Finanças: “Ingressei na Prefeitura em 12 de maio de 1982. Eu
gostava do meu trabalho. Conhecia todo mundo na Tributação e muita gente
na Prefeitura. Eu gostava de lá. Saía da secretaria à noite. O trabalho
acrescentou muito para mim em termos de conhecimento. A vida de
aposentada não estou gostando muito não. Sinto falta das amizades. Vou
perguntar se ainda me querem de volta ao emprego”, brinca.
A equipe também se deslocou até o Hospital São Lucas, no bairro do Tirol,
para fazer o censo da servidora municipal Maria de Fátima do Nascimento,

que está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ela também
apresenta quadro renal.
De acordo com a recenseadora Ana Karina da Costa, os primeiros
atendimentos foram realizados na última sexta-feira (16). Ela ressaltou que o
sistema é prático e as pessoas recebem a equipe com cortesia. “É um
trabalho prazeroso. As pessoas que eu recenseei realmente não têm
condições de se deslocar até os postos de atendimento”, comentou.  A
equipe de recenseamento, que conta com uma assistente social do
Natalprev, Rose Silva de Oliveira Mendonça, ainda fez mais dois
atendimentos em domicílio. Um no bairro do Alecrim e o outro em Mãe Luiza.
O Censo do servidor público municipal, em Natal, vai ser realizado até esta
sexta-feira (23), assim como o atendimento domiciliar, mas as duas formas
têm que ser previamente agendadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *