O adro da Igreja de São Vicente passa a ser mais uma vez palco do combate épico entre Mossoró e o bando do cangaceiro Lampião, com a encenação do “Chuva de Bala no País De Mossoró”. O espetáculo que relembra a história de resistência do povo mossoroense estreou na noite de sexta-feira, 16.

A 16ª edição do espetáculo traz consigo um sabor especial: a celebração dos 90 anos da resistência. E com o orgulho de contar e cantar a história daquele 13 de junho de 1927, 76 artistas mossoroenses sobem ao palco em frente à Igreja de São Vicente, sob a direção de João Marcelino.

A prefeita Rosalba Ciarlini, que idealizou o espetáculo em seu segundo mandato, enfatiza que o Chuva de Bala no País de Mossoró é um patrimônio do povo mossoroense.