Confira os trechos da entrevista publicada na Tribuna do Norte, onde o senador José Agripino Maia descartou a possibilidade da governadora Rosalba Ciarlini, deixar o DEM.

O senhor acredita que os novos partidos poderão desfalcar o DEM do Rio Grande do Norte, inclusive com a saída de titulares de mandatos?

Não acredito. Não tem o menor sentido. O Democratas é o partido da governadora (Rosalba Ciarlini) que esteve na minha convenção levando boa delegação, está confortável no partido onde ela (Rosalba Ciarlini) sempre esteve. Pelo contrário, o que ela (Rosalba Ciarlini) vai é defender o crescimento do partido aqui no Estado sem deixar espaço para que esse partido novo possa, eventualmente, ocupar espaços que sobrem de um PSB, PDT, PMDB, de um PMN, de um partido qualquer.

Mas o senhor  vê chances da governadora migrar para um novo partido?

Acho isso um desrespeito à coerência partidária da governadora Rosalba. Acho, honestamente, uma agressão à coerência partidária que ela exibe há tantos anos.