Todo cuidado é pouco quando formos aos supermercados da nossa capital.

Frequentemente ocorre arrombamentos de veículos no estacionamento do Hiper Bompreço da Av. Prudente de Morais.

E agora a moda é outra: estão roubando bolsas de mulheres no interior do EXTRA da Av. Roberto Freire. O absurdo é quando as vítimas procuram o setor de segurança não tem acesso sequer ao sistema de gravação das câmeras.

Em que mundo nós estamos?

Nem ir a um supermercado se pode mais?