th (2)

Roda Viva – Tribuna do Norte – 19/01/20

Iza, a cantora, que é sucesso em todo o Brasil, “técnica” de programas da auditório da Rede Globo, tem revelado mágoas de Natal, onde residiu, quando adolescente. Ela se sentiu discriminada pelo fato de ser mulher, negra, e não conseguiu se enturmar por aqui.
Filha de militar da Marinha, Iza residiu na Vila Naval, e nunca, quando aqui morou, se sentiu aceita pela cidade. Agora a Prefeitura coloca seu nome como uma das principais atrações do nosso Carnaval. Bem feito. Não podemos concordar que Natal tenha discriminado tanta beleza e talento. O Carnaval é a melhor hora para mudar essa má impressão. A programação carnavalesca começa dia 20 de Fevereiro e Iza está escalada para atuar no Polo de Petropolis..

Comentários do Facebook

Deixe um comentário