th

Roda Viva – Tribuna do Norte – 12/07/20

Enquanto a discussão de flexibilização das regras da quarentena não acaba, uma pesquisa do Instituto Locomotiva, ouviu um segmento de trabalhadores que estão no grupo de risco para o covid-19 e vivem a angústia de sair para trabalhar se arriscando a pôr a própria saúde em risco.

A pesquisa foi aplicada em 72 cidades e mostra que 85% dos entrevistados se dizem mais preocupados com a saúde do que com o aspecto financeiro da crise. Esse conjunto de brasileiros responde por 20% do PIB.

Deixe um comentário