27 de maio de 2024
Sem categoria

Desembargador Márcio Murilo é eleito presidente do TJPB e diz que metas são ‘pacificar e economizar’

tjpb

O presidente eleito do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos, logo depois de sua escolha, concedeu uma entrevista coletiva à imprensa e adiantou algumas prioridades para sua gestão no Biênio 2019/2020. Dentre elas, estão intensificar, ainda mais, a pacificação no âmbito do TJPB e economizar em todos os setores do Poder Judiciário estadual. Márcio Murilo foi eleito na 22ª Sessão Administrativa do Pleno e em escrutínio secreto, na manhã desta quarta-feira (14), com 14 votos. O desembargador Márcio Murilo será o 50º presidente do Judiciário estadual e assume as atividades da Corte a partir do dia 1º de fevereiro de 2019.

Na mesma sessão, ainda foram eleitos para a Vice-Presidência e Corregedor-Geral de Justiça, respectivamente, os desembargadores Arnóbio Alves Teodósio, que obteve 11 votos, e Romero Marcelo da Fonseca Oliveira, com 10 votos. Também foram escolhidos o diretor da Escola Superior da Magistratura (Esma), desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque, o ouvidor-geral de Justiça, desembargador José Aurélio da Cruz, e o ouvidor substituto, desembargador João Benedito da Silva.

O Tribunal Pleno ainda escolheu, por aclamação, os novos membros efetivos e suplentes do Conselho da Magistratura para o próximo biênio. São eles: os desembargadores João Benedito da Silva, Maria das Graças Morais Guedes e Leandro dos Santos (efetivos). Para suplentes, foram escolhidos os desembargadores Saulo Henriques de Sá e Benevides, Fátima Bezerra Cavalcanti e Luiz Silvio Ramalho Júnior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *